Ainda Mais Crocante

Doceira gaúcha ensina a receita alemã do Mil-folhas montado na hora
Mil folhas
O doce de massa folheada e supercrocante derrete na boca

São doces as memórias de infância de Fernanda Wainer: tortas, mil-folhas, cremes, biscoitinhos palmier, marzipã e tantas outras delícias das tradicionais confeitarias de Porto Alegre. Nas décadas de 1970 e 1980,Thomson e Vêneta eram as principais docerias da cidade. Em 1991, a capital gaúcha também recebeu a Leckerhaus, especializada em doces alemães e que atualmente está sob o comando de Fernanda.

A gaúcha radicada em São Paulo começou abrindo uma loja da Leckerhaus nos Jardins para revender os doces produzidos no Sul. Em seguida, comprou a fábrica e o ponto de Porto Alegre, onde fez uma grande reforma e acrescentou ao cardápio uma novidade que já fazia sucesso na capital paulista: o mil-folhas (receita ao final do texto).

“Os outros são mais creme de baunilha e, no nosso, o doce de ovos está mais presente. É uma textura diferente, mais firme. O tom costumeiro do creme do mil-folhas é meio amanhecido, enquanto o da Leckerhaus é um amarelo mais vivo”, explica Fernanda.

Leckerhaus
Uma coleção de enfeites dá toque caseiro ao ambiente da Leckerhaus

Thomas Walter, o Seu Thomas, alemão dono da Thomson, foi quem ensinou a Fernanda a receita especial, após mais de seis meses de insistência. A jornalista de formação passou cerca de 20 dias na fazenda aprendendo com ele a produzir os doces de sua escolha. Um dos segredos para a textura é a montagem do mil-folhas na hora, que faz com que a massa se conserve mais crocante.

Fernanda Wainer
Fernanda aprendeu a receita com o dono de uma antiga doceria de Porto Alegre

LECKERHAUS. Rua Dr. Melo Alves, 293, Jardins, São Paulo – SP. Tel.: (11) 2528-1234 |

Avenida Dr. Nilo Peçanha, 2294, Três Figueiras, Porto Alegre – RS. Tel.: (51) 3328-2446

Confira as receitas dessa matéria: